Notícias

Informações especiais para a sua empresa

26/06/2020

Acontece no GBrasil

Novo presidente do GBrasil defende adequação constante às novas tecnologias na Contabilidade

Anderson Pedrosa fala sobre o chamado por mudanças que vem acompanhado de toda crise

Pamela Mascarenhas

O novo presidente do GBrasil, Anderson Pedrosa, demonstra na própria trajetória os resultados do compromisso com a constante atualização de conhecimentos e tecnologias. Agora, na missão de presidir a Nova Diretoria do grupo, o executivo quer auxiliar os associados e seus clientes a entrar em uma dinâmica de trabalho inovadora, de forma integrada. Nesta matéria da série, Pedrosa fala sobre as transformações tecnológicas que vieram junto com a evolução do trabalho contábil nas últimas décadas, conta um pouco sobre sua carreira e, considerando os desafios que o mundo inteiro se depara em meio a pandemia, faz um alerta: crises são momentos para promover mudanças já exigidas.

Anderson Pedrosa tem 21 anos de atuação na área contábil, dentro da empresa que seus pais iniciaram há 40 anos. Passou a colaborar efetivamente com a Contac quando ingressou no curso superior de Contabilidade, em 2000, mas antes disto já trabalhava na companhia, nos períodos de férias. Desde criança, observou a transformação no modo de fazer profissional. Dos livros e formulários em papel que ele via seus pais preenchendo à mão quando era bem novo, Pedrosa relata sobre a época das planilhas digitadas em computadores que eram transferidas, em um primeiro momento, via disquete e depois via web, até chegar a um fazer contábil com uma ampla diversidade de softwares e ferramentas, e até com inteligência artificial e robotização. "A profissão contábil sofreu muitas mudanças, não só na legislação, mas principalmente na área tecnológica", destaca.

bloco0093Na Contac, há um departamento específico de Tecnologia, que atua na área de BI (Business Intelligence) e de RPA (Robotic process automation) há cerca de um ano e meio, o que permite tirar profissionais de rotinas repetitivas para atividades mais voltadas para a qualidade do produto e do serviço, por exemplo. Também há equipes diferentes para produzir e executar os serviços; para estudar a legislação e dar treinamento; e para o atendimento ao cliente com reuniões periódicas e atenção especial. "Então, com esse tripé, a gente conseguiu fazer a diferença no mercado e atender bem, com alto índice de satisfação", conta Pedrosa.

Uma constante na trajetória de Pedrosa é a preocupação em se manter atualizado. Com duas pós-graduações, uma em Controladoria e Auditoria, pela UnB, e outra em Contabilidade e Direito Tributário, um MBA pelo Ipog, o executivo também investe periodicamente em cursos. O último foi realizado em São Paulo, sobre Valuation, serviço que passou a integrar o catálogo da empresa. Hoje, ressalta o presidente, a Contac tem 205 colaboradores e é referência no Estado de Goiás, não só na parte técnica, mas também em inovação e tecnologia, com capacidade para atender empresas de diferentes tamanhos, do Simples à multinacional.

Como presidente do GBrasil, Anderson Pedrosa quer integrar e fortalecer as empresas associadas, e ajudá-las a oferecer serviços contábeis de excelência em todo o território nacional. Com os cinco comitês criados, a nova gestão vai, com o Comitê de Produtos, agregar valor à área de Marketing e realizar um trabalho voltado aos serviços aos associados; com o Comitê de Processo, avaliar a qualidade e alavancar a produtividade de cada associado; com o Comitê de Pessoas, promover estudos e realizar treinamentos; com o Comitê de TI, avaliar toda a estrutura técnica e de suporte; e com o Comitê Financeiro, realizar orçamento para os investimentos necessários para alcançar os objetivos da gestão.

Uma das mudanças já propostas para esta gestão é relacionada à realização dos encontros presenciais do GBrasil, passando de dois encontros para apenas um, com o segundo realizado via web. O encontro, contudo, também não deve ficar limitado a estas duas ocasiões. A intenção é permitir troca de informações diárias entre as empresas associadas, para o compartilhamento não só de informações como também de clientes e parcerias.

"Nós estamos em um momento de crise mundial, mas eu creio que é um momento oportuno, porque eu acredito que crises são oportunidades de reavaliar as diretrizes, de poder fazer as mudanças que o mundo exige. E há agora esta transição na diretoria do GBrasil da primeira geração de donos de escritório para uma segunda geração, a própria diretoria já está sendo composta com filhos de donos de escritório. Ou seja, é a segunda geração assumindo o protagonismo da gestão não só das empresas dos pais, mas também do GBrasil. Então, é um momento em que teremos muitas mudanças na parte de tecnologia, de compartilhamento de informações. Vamos ter muitas novidades", relata o presidente.

Para Pedrosa, o GBrasil é como uma "família de escritórios líderes em suas regiões", família com integrantes de diferentes tamanhos, em que todos se auxiliam e cada um consegue evoluir nas áreas em que o outro já está mais avançado. "Não somos concorrentes entre nós, somos parceiros, e trabalhamos num território nacional muito grande. O desafio do GBrasil é este, se tornar mais tecnológico, mais rápido, e organizar essa troca de informações para que ela não seja ineficiente, porque é um volume de informação e de gestão muito grande", completa o presidente.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER E RECEBA NOVIDADES NO SEU E-MAIL