Notícias

Informações especiais para a sua empresa

24/05/2021

Imposto de Renda 2021

Prazo para envio da Declaração de IR termina em uma semana

Saiba quais cuidados você deve tomar se ainda não declarou o Imposto de Renda

Pedro Duarte

Os contribuintes brasileiros estão na reta final para entrega da Declaração do Imposto de Renda 2021. O prazo para envio das informações acaba em 31 de maio. Originalmente, a data máxima era 30 de abril, mas o fim do período de entrega foi postergado por meio da Instrução Normativa 2.020/2021. Com apenas uma semana restante, cerca de 23,5 milhões de declarações foram encaminhadas à Receita Federal, que espera receber 32.619.749 de DIRPFs.

Além disso, 31 de maio será também o dia da liberação do primeiro lote de restituições do Imposto de Renda. Serão beneficiados grupos prioritários – como idosos, professores e pessoas com deficiência – e os contribuintes que entregaram primeiro a declaração. Os lotes seguintes serão disponibilizados em 30 de junho, 30 de julho, 31 de agosto e 30 de setembro. Neste ano, a Receita estima que 60% dos declarantes terão direito a restituições, um total superior a 19,5 milhões de pessoas.

Quitação de impostos

Os contribuintes com imposto a pagar deverão quitar até 31 de maio a cota única ou a primeira parcela do valor devido por meio do Documento de Arrecadação Federal (DARF), emitido pelo sistema do IRPF. A opção de débito automático em conta-corrente está vedada pela Receita Federal para as declarações emitidas depois de 10 de maio. O Fisco espera arrecadar aos cofres públicos mais de R$ 19,6 bilhões em 2021.

Especialistas da rede GBrasil aconselham aos contribuintes evitar a entrega da declaração na última hora. A ausência de um documento pode comprometer as possibilidades de dedução e restituição. Além disso, o atraso no envio das informações gera multas. Os valores cobrados podem variar entre R$ 165,74, para as declarações sem imposto a pagar, e 1% ao mês do imposto apurado, limitado a 20%, além de correção monetária pela taxa Selic.

Dentre as declarações entregues até 24 de maio, 95% foram preenchidas por meio do programa IRPF 2021, 4% pelo aplicativo Meu Imposto de Renda e apenas 1% via Portal e-CAC (online). Independentemente do formato escolhido, é importante que o contribuinte tenha apoio de uma assessoria contábil nesta reta final da declaração, evitando erros causados pela pressa. Com o suporte de especialistas, o contribuinte poderá identificar todas as deduções e abatimentos disponíveis no seu caso durante o preenchimento da declaração.

faixas_servicos_faixa_6

ASSINE NOSSA NEWSLETTER E RECEBA NOVIDADES NO SEU E-MAIL