Fechar
Acesso restrito


Notcias

26/11/2018 - Novos negcios: sada para reduzir dependncia

Associados GBrasil contam experiências de negócios em segmentos distintos da contabilidade



Com 22 anos de existência, o GBrasil chegou ao seu 50ª Encontro. Realizado em João Pessoa (PB), onde está localizada a RC – Assessoria Contábil & Empresarial, do empresário Roberto Cavalcanti, o evento debateu e definiu as ações do grupo para os próximos anos, de modo a garantir a longevidade das 39 empresas associadas, diante das transformações em curso no segmento contábil – ao todo, a organização atende 10 mil clientes em todo o Brasil.

Alguns dos assuntos debatidos foram inovação, tecnologia da informação, sucessão e boas práticas de gestão. Isso porque o impacto causado pela revolução digital vem influenciando a contabilidade nos últimos anos. Seja na maneira de oferecer produtos e serviços aos clientes, seja no processo de dados internamente, as organizações contábeis precisam estar preparadas para acompanhar essa nova dinâmica de prestação de serviços.
 
Olhar interno
 
A programação dos dois dias do encontro foi voltada a uma análise interna do GBrasil, com participação de representantes, que debateram os rumos do setor e de suas empresas. “Será que, com tudo tão eletrônico, basta entregar as obrigações para o governo e só um relatório do que fizemos para o nosso cliente, ou será que ele quer uma análise sobre a empresa dele?”, indagou o diretor da D.Duwe Contabilidade (GBrasil I Rondônia), Ronaldo Hella, ao falar sobre a experiência que vivenciou em um seminário internacional de gestão ocorrido em Londres (Reino Unido).
 
O diretor da Rui Cadete Consutores (GBrasil I Rio Grande do Norte), Rui Cadete, afirmou que é preciso saber tirar o melhor proveito da tecnologia existente. “Nem tudo cabe para toda empresa. TI é estratégia, mas tem de saber como usá-la e saber como investir, senão pode ser um dinheiro gasto à toa”, alertou. Em relação à robotização em processos, Claudio Zanda, da De Martino associada GBrasil em Bauru (SP), avaliou que mesmo com automatizações, o ser humano é quem é capaz de articular o atendimento ao cliente. “Não queremos reduzir pessoas, mas melhorar a qualidade do trabalho, com serviços mais consultivos”, lembrou.
 
A importância de planejar a sucessão na condução dos negócios também foi amplamente discutida. “Independentemente do tamanho da empresa, familiar ou não, seus proprietários estarão sempre preocupados com a sucessão”, ponderou o diretor da Marpe Contabilidade (GBrasil I Ceará), Pedro Coelho.
 
Reinvenção
 
A história RC Assessoria Contábil ilustra como é preciso se adaptar a um mercado em disrupção. Após crescer rapidamente, mas de modo desordenado, a empresa teve que transformar profundamente seus processos para continuar se sobressaindo. Em grande parte, essa mudança foi possível pela troca de experiências proporcionada pela participação no GBrasil. “Tínhamos nome e referência na cidade, mas não havia planejamento adequado”, contou o diretor-geral da empresa, Roberto Cavalcanti. “Quando íamos aos encontros, voltávamos cheios de novas ideias.”
 
Foram as reuniões do GBrasil que também convenceram Rebeca Cavalcanti, filha de Roberto, a cursar a faculdade de Ciências Contábeis. Hoje, após passar por todas as áreas da empresa e ganhar experiência, ela é a diretora comercial da RC Assessoria. 

Para o presidente do GBrasil, Julio Linuesa Perez, da Orcose Contabilidade (GBrasil | São Paulo – SP), é no espírito de colaboração que reside a força do GBrasil. “A síntese do grupo é compartilhamento de ideias, opiniões, sugestões e experiências que são passadas de uns para os outros”, afirmou. “Hoje em dia, pela evolução dos negócios, temos de partir para outras atividades, mas mantendo o foco naquilo que é nossa gênese, ou seja, a contabilidade. Com os processos e sistemas da economia global, juntos, temos mais força para negociar.”

Newsletter

Rua Clodomiro Amazonas, 1435
So Paulo - SP - 04537-012
e-mail: contato@gbrasilcontabilidade.com.br
Tel: (11) 3814-8436
veja o mapa