Notícias

Informações especiais para a sua empresa

24/05/2022

Imposto de Renda 2022

Três motivos pra não deixar o Imposto de Renda para a última hora

Contribuinte que declarar próximo ao prazo de encerramento pode sofrer com imprevistos

Pedro Gabriel

Mesmo com o adiamento do fim do prazo de entrega da declaração de Imposto de Renda, de 29 de abril para 31 de maio, muitos contribuintes ainda não enviaram o documento ao Fisco. Segundo a Receita Federal, são esperadas 34,1 mil declarações em 2022. Porém, até o início de maio, apenas 18,3 mil pessoas tinham encaminhado as informações. Ao declarar com antecedência, é possível evitar imprevistos que prejudiquem a situação fiscal. Confira abaixo três riscos que o contribuinte corre se deixar o Imposto de Renda para depois. 

Omissão por esquecimento  

giovani_mainhardtAo deixar o compromisso para uma data próxima ao prazo de encerramento, o contribuinte pode acabar esquecendo de entregar ao contador um documento fiscal, o que impacta na tributação de suas próprias finanças pessoais.  

“O declarante que deixa pra separar os documentos na última hora pode esquecer algum comprovante de rendimento ou bem, seu ou dos dependentes. A Receita Federal interpreta isso como uma variação patrimonial não declarada. Então, o contribuinte vai para a malha fina”, explica Giovani Mainhardt, Diretor da J. Mainhardt Contabilidade (GBrasil | Blumenau - SC). 

Declaração retificadora 

Também é possível que o contribuinte, ao ver que não dispõe de todos os documentos necessários, opte por enviar os dados de maneira incompleta. Essa situação, em grande parte, ocorre quando o contribuinte deixa para declarar nos últimos dias do prazo e fica sem tempo para solicitar algum documento faltante. 

“Caso isso venha a ocorrer, tão logo quanto possível, o contribuinte deve emitir uma declaração retificadora, que substitui a declaração enviada anteriormente com lacunas e corrige a informação faltante”, orienta Mainhardt 

Fiscalização posterior 

Declarar o Imposto de Renda em cima da hora também pode trazer consequências a longo prazo. “A Receita Federal pode cobrar o contribuinte por erros cometidos em declarações de até cinco anos atrás, sejam omissões, esquecimentos ou até falhas de digitação. Portanto, o contribuinte fica passível de multas e juros por erros que, talvez, ele nem se recorde”, afirma o empresário.  

Outro fator importante para que o contribuinte tenha tranquilidade e segurança na sua declaração do Imposto de Renda é ter ajuda de profissionais especializados, experientes e com posicionamento consultivo. Encontre as melhores soluções contábeis para pessoa física nas empresas associadas ao GBrasil.   

Estamos prontos pra te ajudar!

O GBrasil conta com empresas associadas nas cinco regiões do Brasil, com expertise para atender às mais diversas situações fiscais. Conheça o representante do GBrasil mais próximo de você e tenha assessoria completa na sua declaração do Imposto de Renda. Confira nossas empresas.

faixas_irpf_faixa_1

ASSINE NOSSA NEWSLETTER E RECEBA NOVIDADES NO SEU E-MAIL